logo


Evolução da Floresta Amazônica é debatida em festival parisiense

Cartaz do festival de cinema “Mil e uma florestas”,

do Fórum das Imagens de Paris.

“Mil e uma Florestas” é o nome do festival de cinema realizado até 29 de abril no Fórum das Imagens de Paris. A Floresta Amazônica é abordada nesta semana em uma seleção de filmes, mesas de debates e exposição fotográfica. Neste programa, Erika Campelo, da Associação Autres Brésils, explica o interesse que muitos franceses têm pela Amazônia; a geógrafa Martine Droulers, diretora do Centro de Pesquisas e Documentação da América Latina da Universidade Paris 3, analisa que a imagem de “isolamento” da floresta evolui nas últimas décadas; e o geógrafo Bastien Beaufort, que estuda alternativas de desenvolvimento com os índios Sateré-Mawé, lembra que o impacto da ação humana na floresta nem sempre é negativo.

Por Daniela Leiras em RFi

Ainda não foram encontrados posts relacionados.